Compreendendo o Texto de Shemot(Exodo) 20:4

 
Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, 
nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
Exodo 20:4
 
Abordar a respeito desse assunto é importante, pois na falta de compreensão do que nos é ensinado nesse texto, apregoa-se uma nova doutrina! E nessa nova doutrina, onde ensinam a respeito do que não tem o devido discernimento, acabam colocando um grande e, pesado fardo sobre os que buscam a verdade, dificultando-os dessa forma, a seguirem na caminhada rumo a perfeição no Mashiach(Ungido) Yahushua.
 
De imediato, quando nos deparamos com esse texto em Exodo 20:4, o que devemos ter em mente é:
 
1º - por que Yahu(YHW) proibiu seu povo de fazer imagens de esculturas?
 
2º - que imagens Yahu(YHW) proibiu o seu povo de construir?
 
3º - Mas se o fazer imagens de esculturas é proibido, por que Yhahu(YHW) inspirou artistas na construção do Tabernáculo, em fazer dois querubins em ouro, um de frente para o outro, além de inspirá-los a bordá-los nas cortinas do Tabernáculo?
 
4º - Ilustração é o mesmo que fazer imagens de esculturas?
 
5º - Até onde, termos objetos decorativos em nossa casa, representa idolatria?
 
São essas perguntas que ao serem feitas, devem levar o leitor a meditar no que realmente Yahu estava requerendo do seu povo, quando o retirou do Egito! Não basta apenas ler e, tomar como regra o que se lê, mas SIM, sabermos que ensino está sendo repassado, afim de que, colocando-o em prática em nossa vida, sejamos aperfeiçoados NA VERDADE, NA JUSTIÇA e NO AHAVAH(AMOR) de Elohim.
 
Assim sendo, para compreendermos a mensagem fornecida no texto em Exodo 20:4, faz-se necessário que o contextualizemos com o período que Yaoshorul estava vivenciando no Egito no âmbito religioso, cultural e, social! Dessa forma, conseguiremos ter noção do porque Yahu ordenou-lhe NÃO fazer imagens de esculturas!
 
Com o objetivo de trazermos ao leitor um entendimento mais abrangente, a respeito da Ordem dada por Yahu em Exodo 20:4, propomo-nos em fazermos as devidas análises abaixo, afim de que através da contextualização feita, o leitor possa tirar suas próprias conclusões quanto ao estudo aqui postado.
 
1ª ANÁLISE - AS CONDIÇÕES SOCIAIS DE YSRAEL NO EGITO
 
Enquanto Yaosef exercia grande influência no Egito, YsraEl desfrutava das benevolências e, tolerância por parte dos egípcios e, conforme nos é revelado nas Escrituras, alguns chegaram a ser transportados para o Egito em carros do próprio Faraó, conforme descrito no texto abaixo:
 
Bereshit(Gn) 45:16-21 "E esta notícia ouviu-se na casa de Faraó: Vieram os irmãos de Yosef. E agradou aos olhos de Faraó, e aos olhos de seus servos. E disse Faraó a Yosef: Dize a teus irmãos: Fazei isto: carregai os vossos animais e parti, tornai à terra de Canaã. E tornai a vosso pai, e às vossas famílias, e vinde a mim; e eu vos darei o melhor da terra do Egito, e comereis da fartura da terra. A ti, pois, é ordenado: Fazei isto: tomai vós da terra do Egito carros para vossos meninos, para vossas mulheres, e para vosso pai, e vinde. E não vos pese coisa alguma dos vossos utensílios; porque o melhor de toda a terra do Egito será vosso. E os filhos de YsraEl fizeram assim. E Yosef deu-lhes carros, conforme o mandado de Faraó; também lhes deu comida para o caminho. "
 
A partir da morte de Yosef(José), de seus irmãos e, de toda a geração que com eles entraram na terra do Egito, o quadro social dos filhos de YsraEl, sofreu uma grande mudança! O crescimento populacional dos descendentes de Yaoshorul, deu-se de maneira tal que, tornaram-se fortes na terra do Egito e, esse crescimento gerou no novo Rei egípcio, temor! E em seu temor, de porventura numa guerra declarada, os filhos de YsraEl- , quer por sinal já era em grande número - , viesse a se juntar com os inimigos do Egito, derrotando-o facilmente!
 
Em meio ao temor, Faraó decidiu criar meios para controlar esse crescimento populacional e, de que forma ele fez isso? Através da força, onde adotou as seguintes medidas: decretou a morte de bebês do sexo masculino, impôs aos filhos de Yaoshorul elevadas cargas de impostos, além de fazê-los amargar uma vida de serviços penosos, na preparação de argila, na fabricação de tijolos e, em todo tipo de trabalho no campo, sob o olhar atento de inspetores de obras, os quais contribuíam ainda mais com o pesar dos filhos de YsraEl.
 
Leiam Shemot(Exodo) 1: 1-22
 
Como podemos perceber, durante um bom tempo, a vida dos filhos de YsraEl foi tranquila na terra do Egito, até que..., bom, até que o que por um tempo parecia ser doce, passou a ter gosto amargo! Mas, ainda havia uma promessa..., a qual foi feita a Abrahan, a Yaacov e, Isaque, a saber: que Elohim os visitaria e, os faria subir da terra do Egito, rumo a Terra que lhes havia prometido.
 
2ª ANÁLISE - A RELIGIÃO DE YAOSHORUL NO EGITO
 
Durante o período em que estava vivo, Yosef exerceu grande influência espiritual sobre YsraEl, de modo a protegê-los da idolatria egípicia. Porém, com sua morte muitos dos descendentes de Yaacov( corrompido para Jacó), renderam-se a idolatria, corrompendo dessa forma os bons costumes e, assim sendo, deixaram de lado as promessas de Elohim feitas a Abraham, na qual disse que multiplicaria a descendência deste como as estrelas do céu e, concederia a essa descendência a Terra Prometida que jorra leite e mel.
 
Leiam atentamente o texto abaixo:
 
Ezequiel 20:5-11 " E dize-lhes: Assim diz Adonay YHWH: No dia em que escolhi a YsraEl, levantei a minha mão para a descendência da casa de Yaacov, e me dei a conhecer a eles na terra do Egito, e levantei a minha mão para eles, dizendo: Eu sou YHWH vosso Elohim; Naquele dia levantei a minha mão para eles, para os tirar da terra do Egito, para uma terra que já tinha previsto para eles, a qual mana leite e mel, e é a glória de todas as terras. Então lhes disse: Cada um lance de si as abominações dos seus olhos e, não vos contamineis com os ídolos do Egito; EU sou YHWH vosso Elohim. Mas rebelaram-se contra mim e, não quiseram ouvir; ninguém lançava de si as abominações dos seus olhos, nem deixava os ídolos do Egito; então EU disse que derramaria sobre eles o meu furor, para cumpri a minha ira contra eles no meio da terra do Egito. O que fiz, porém, foi por amor do meu Nome, para que não fosse profanado diante dos olhos dos gentios, no meio dos quais estavam, a cujos olhos EU me deixei conhecer a eles, para os tirar da terra do Egito. E os tirei da terra do Egito e, os levei ao deserto. E, dei-lhes os meus Estatutos e lhes mostrei os meus Juízos, os quais, cumprindo-os o homem, viverá por eles."
 
Observem que através do profeta EzequiEl, Yahu nos descreve a promessa feita a YsraEl e, do mesmo, o pecado de seus filhos, revelando-nos suas impurezas, nas quais se contaminaram com o que é abominável perante seus olhos! Descreve-nos a importância de seus estatutos, de modo que, cumprindo-os, o homem através deles, tenha vida! Mostra-nos também que o não se atentar para os estatudos de Elohim, o homem deixa de dar honra e louvor ao NOME do Altíssimo e, assim sendo, o profana perante os gentios. 
 
A desobediência de YsraEl, levou-lhes a um longo período de sofrimento nas mãos dos governantes egípcios.
 
 
3ª ANÁLISE -  DEFININDO O CONCEITO ETIMOLÓGICO DA PALAVRA IDOLATRIA
 
I - De acordo com o Dicionário VINE, Idolatria é uma palavra de origem grega: eidolatria, a qual está associada a falta de conhecimento de ULRRIM e, de gratidão para com ELE. Deste termo grego, temos também a palavra eidolon, que em nosso idioma português, chamamos de ídolos. Pgª 698
 
II - Já o Dicionário léxico, apresenta-nos a seguinte definição: 
a) Designação da veneração que é feita a determinadas figuras que são tidas como divindades;
b) No sentido figurado, refere-se a um amor desmesurado ou uma admiração desproporcional.
 
III- No hebráico, o termo usado para se referir a imagem de escultura é Pessel.
 
 
Vejamos no textos abaixo, o termo Pessel em destaque na cor rosa:Nos textos abaixo, colocamos em destaque na cor rosa e em círculo, o termo Pessel no livro em Exodo e, em amarelo, no livro em Deuteronômio.
 
 
Exodo 20:4 " Não farás para ti imagem de escultura ( פסל - Pessel)), nem alguma semelhança do que há em cima nos shamaim(céus), nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
 
Vejamos no texto abaixo, a palavra Pessel, em destaque na cor amarela:
 
Deuteronômio.5:8 " Não farás para ti imagens de escultura( פסל - Pessel) , nem semelhança( חמונה - Temunah) alguma do que há em cima no shamaim, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra."
 
 
Convém mencionarmos o seguinte a respeito do termo Pessel: este, também pode ser usado para designar Elohim, conforme podemos constatar no texto abaixo:
 
YeshaYahu(Is): 42:17: " Tornarão atrás e confundir-se-ão de vergonha os que confiam em imagens de escultura, e dizem às imagens de fundição: Vós sois Elohenu (nosso Elohim)"
 
 
 
IV - No google tradutor, quando digitamos a palavra Pessel, temos a seguinte definição: Estátua
 
 
De acordo com os conceitos judáicos, a idolatria é a rejeição de toda a instrução do Yahu, concedida ao homem. E, nessa rejeição, muitos, no desespero, chegam a negar a própria emunah e, no desespero por não ter e/ou, não mais sentir a presença de Elohim, o homem desce ao mais profundo abismo da idolatria. Um exemplo escritural a ser citado a respeito disso é, o caso do rei Shaul.
 
De acordo com as Escrituras, o rei Shaul ao se deparar com o arraial dos filisteus, temendo-os, clamou a Yahu, mas Este não o respondeu, o que gerou em Shaul um grande desespero e, no desespero, não hesitou em deixar de lado as instruções do Yahu, buscando numa vidente( mulher com espírito de advinhação), o meio pelo qual pudesse obter do profeta SamuEL, já morto, uma resposta da parte do Yahu. Nesse momento, Shaul desceu ao mais profundo abismo!
 
Sugerimos ao leitor que leia o texto que se encontra em 1 Shamuul(Samuel) 28:1-25.
 
Do mesmo modo, que o desespero levou o Rei Shaul a se esquecer das instruções do Yahu, o mesmo ocorreu com YsraEl! A demora de Moshe em descer do Monte Sinai, gerou neles aflição! O desespero, tomou-lhes conta quando imaginaram que a demora de Moshe poderia estar associada a sua morte. Diante disso, fizeram do bezerro de ouro, um objeto de adoração e, um mediador entre eles e Yahu! Por assim procederem, deixaram de lado as instruções recebidas de Elohim, afim de que se mantivessem puros perante Yahu! 
 
Como podemos perceber, o agir no desespero, fez com que YsraEl voltasse as suas antigas abominações, onde preferiam sacrificar à obedecer!
 
Exodo 32:7-8 " Então disse YHWH a Moshe: Vai, desce; porque o teu povo, que fizeste subir do Egito, se tem corrompido, e depressa se tem desviado do caminho que eu lhe tinha ordenado; eles fizeram para si um bezerro de fundição, e perante ele se inclinaram, e ofereceram-lhe sacrifícios, e disseram: Este é o teu Elohim, ó YsraEl, que te tirou da terra do Egito. "
 
 
4º - RESPONDENDO OS 5(CINCO) PONTOS ENUMERADOS NESSE ESTUDO
 
PERGUNTA 1 - Por que Yahu proibiu seu povo de fazer imagens de esculturas?
 
A resposta é simples: porque ELE conhece o coração do homem e, sabe que a natureza humana tende em fazer o que é mal. Tende a inclinar-se para o que aborrece e, ao que desagrada a Elohim. Assim sendo, ao contruir uma imagem de escultura, o homem corre o risco de fazer dessa imagem, um objeto de adoração! Portanto, ciente que Yahu não compartilha sua glória/majestade com outros Elohim e, que requer dos que são seus, adoração exclusiva, bom é obedecer, do que sacrificar!
 
 
PERGUNTA 2 - Que imagens Yahu proibiu o seu povo de construir?
 
De acordo com as Escrituras, Yahu proibiu a construção de toda imagem de escultura e, de alguma coisa semelhante, existente em cima nos céus , embaixo da terra e, nas águas embaixo da terra. 
 
 
PERGUNTA 3 - Mas se o fazer imagens de esculturas é proibido, por que Yahu inspirou artistas na construção do Tabernáculo, em fazer dois querubins em ouro, um de frente para o outro, além de inspirá-los a bordá-los nas cortinas do Tabernáculo? Não são os querubins seres do shamaim?
 
Observem abaixo o desenho da Arca com os dois querubins contruídos, um de frente para o outro:
 
 
Vejam abaixo, o modelo de como deveria ser as cortinas do Tabernáculo. Conforme nos é descrito no livro de Exodo, para sua produção, os bordado deveriam fazer os desenhos de querubins:
 
 
Percebam que, diante das coordenadas para a construção do Tabernáculo, Yahu inspirou artistas a fazerem cortinas, querubuins para o propiciatório e, em meio a essas coordenadas nos vem a mente o seguinte: Como o Altíssimo pôde inspirar os homens a fazerem algo que ELE mesmo os proibiu de construir? Faz isso sentido? Ou realmente, precisamos diante deste fato, buscarmos um melhor discernimento?
 
Bom, sabemos que no Yahu não há sombra de variação! Então como explicar o texto que se encontra em Exodo 20:4? Cremos que, a proibição do Yahu está relacionada a ADORAÇÃO! E aí, faz-se necessário termos bem definido o conceito do que é Adoração! Mas esse é um tema abordado em um outro estudo: www.oholyao-em-queimados-rj.com.br/estudos-escriturais/estudo-sobre-louvor-e-adoracao/
 
Mas no momento, precisamos nos atentarmos acerca do que Yahu quer nos ensinar a respeito de imagens de esculturas!
 
Vejamos os textos abaixo:
 
Exodo 36:8Assim todo o sábio de coração, entre os que faziam a obra, fez o tabernáculo de dez cortinas de linho fino torcido, e de azul, e de púrpura, e de carmesim, com querubins; da obra mais esmerada as fez. "
 
Exodo 36:35 "  Depois fez o véu de azul, e de púrpura, e de carmesim, e de linho fino torcido; de obra esmerada o fez com querubins. "
 
Exodo 37:7-9Fez também dois querubins de ouro; de obra batida os fez, nas duas extremidades do propiciatório. Um querubim na extremidade de um lado, e o outro na outra extremidade do outro lado; de uma só peça com o propiciatório fez os querubins nas duas extremidades dele. E os querubins estendiam as asas por cima, cobrindo com elas o propiciatório; e os seus rostos estavam defronte um do outro; os rostos dos querubins estavam virados para o propiciatório. "
 
Citamos os textos acima, para mostrar que a construção do Tabernáculo, não se deu de acordo com a vontade do homem, mas sim de acordo com  as coordenadas que Yahu concedeu aos artistas.
 
No texto em Exodo 36:8, uma palavra nos chama a atenção: o SÁBIO DE CORAÇÃO! Percebam que dentre estes sábios, estavam os que realizavam a obra no Tabernáculo e, cremos que a sabedoria destes, estava relacionada a: FIDELIDADE, COMPROMISSO, OBEDIÊNCIA, SUBMISSÃO!
 
O homem que tem em si, o temor do Yahu, somente a ESTE presta culto de ADORAÇÃO! Queres trabalhar em favor do reino de Elohim? Então, não oscile entre dois governantes! Não osciles entre dois Reinos! Ou serves a um e, desagrada o outro! Ou serve a outro e, desagrada a um! Quem se coloca a servir a Yahu, não pode se colocar a serviço de outros Elohim!
 
Portanto, cremos que, quando Yahu disse para que seu povo não fazesse imagens de esculturas, nem algo semelhante do que há em cima e debaxo do céu, nem o que há nas águas debaixo da terra, assim disse, para que eles não se colocassem em risco no que tange a idolatria, de modo que seduzidos/contaminados pela idolatria, REPRODUZISSEM objetos para adoração a outros Elohim!
 
No caso da construção do Tabernáculo, os objetos construídos representavam a pré-figuração da redenção do Yahu por meio do Mashiach(Ungido) Yahushua, conforme  podemos constatar nos textos abaixo:
 
Hebreus 9:8-9 " Dando nisto a entender o Ruach Kadosh, que ainda o caminho do santuário não estava descoberto enquanto se conservava em pé o primeiro tabernáculo, que é uma alegoria para o tempo presente, em que se oferecem dons e sacrifícios que, quanto à consciência, não podem aperfeiçoar aquele que faz o serviço. "
 
 
PERGUNTA 4 - Ilustração é o mesmo que fazer imagens de esculturas?
 
NÃO! E isso é possível percebermos através de um termo hebráico chamado TEMUNAH ( תְּמוּנָ֔֡ה ). Esse termo é usado para designar semelhança, aparência, retrato, representação, manifestação, figura. A Temunah, concede-nos a idéia básica e, a aparência externa, ou seja, uma imagem vista numa visão. 
 
 
Vejamos o exemplo abaixo: 
 
Apocalipse 1:9-16 " Eu, Yohanan(Jo), que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Moshe Yahushua, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Elohim, e pelo testemunho do Mashiach(Ungido) Yahushua. Eu fui arrebatado no Ruach no dia de YHWH, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta,...E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas. E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece. "
 
É essa capacidade de descrever, representar a imagem do que se viu, que no hebráico, chamamos de Temunah e, em nosso idioma, chamamos de Ilustração! Portanto, ao ilustrarmos algo, estamos tão somente concedendo a outros, a idéia da visão do que nos foi revelada! 
 
Assim sendo, a Temunah, não é uma imagem de escultura, para ser adorada como ocorre com o termo Pessal. A Temunah é apenas uma ilustração daquilo que se vê ou do que nos foi revelado.
 
 
PERGUNTA 5 - Até onde, termos objetos decorativos em nossa casa, representa idolatria?
 
Antes de mais nada, é importante ressaltarmos o seguinte: NÃO ESTAMOS ATRAVÉS DESSE ESTUDO, estimulando ao leitor a fazer imagens de esculturas e, ou colocá-las dentro de sua casa ou, em seu local de trabalho! O que queremos deixar BEM CLARO é: que o perigo de se ter imagens de esculturas, está no render a essas imagens, a adoração que somente a IÁURRU pertence!
 
Uma vez nos foi ensinado o seguinte: onde está o coração do homem, alí está o seu tesouro! Diante disso, melhor é obedecer que sacrificar! O coração do homem é enganoso, mas no temor do IÁURRU está o princípio de toda a sabedoria. Que nossa adoração, todo o nosso louvor e gratidão sejam entregues somente a IÁURRU, nosso ULRRIM, O qual nos enviou o seu Socorro para libertação de todos que nELE crê e ao seu Filho recebe!
 
Portanto, cada um ao  meditar nas palavras do IÁURRU e, no discernimento que do RÚRRA hol Rodshua recebe, atente-se para o objeto que coloca dentro de casa e, em sua vida, de modo a ter em mente o seguinte: a idolatria está em se corromper naquilo que fostes orientado a ser puro, verdadeiro e, incorruptível.
 
 
BIBLIOGRAFIA
 
GUSSO, Antônio Renato. Gramática Instrumental do Hebráico passo a passo. Editora Vida Nova.
Dicionário VINE
Dicionário Léxico
Torah
 

Contato

Oholyao em Queimados RJ

oholyaodeiaurrushua@gmail.com

Pesquisar no site

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode