faz-se ou não necessário ter quem ensine na congregação do yahu?

 
Atos 2:42  " E, perseveravam na doutrina dos apóstolos..."
 
O objetivo desse estudo é, abordarmos um assunto que volta e meia nos deparamos com ele, quando ouvimos pessoas afirmando o seguinte: "não precisamos aprender com os homens, pois o Ruach(Espírito) nos ensina todas as coisas"! Mas será que esse tipo de pensamento está correto? Está, porventura esse tipo de pensamento, em harmonia com as Escrituras?
 
Quando abordamos o texto que se encontra em Atos dos Apóstolos, o que vem a mente de muitos é: a comunhão existente entre os crentes que residiam em Yerushalaim no que diz respeito ao partir do pão, as orações, a ajuda mútua de modo que, entre eles, não houvesse necessitados. Por isso, há os que veem na Congregação localizada em Atos, uma Congregação a ser imitada pelos demais crentes, pois nela sim, era manifesto o verdadeiro amor de uns pelos outros ... mas, um PONTO IMPORTANTE que esse mesmo texto em Atos nos revela e, que muitos NÃO enxergam e/ou, não fazem questão de enxergar, é o que diz respeito a PERSERVERANÇA na DOUTRINA dos apóstolos. 
 
O falar a respeito de Doutrina, não é tarefa fácil, quando nos deparamos com pessoas que, só em ouvir falar nessa palavra, já sentem aversão e, repulsa. E, por que elas assim reagem? Provavelmente pela forma distorcida como lhes fora transmitida o conceito de Doutrina, onde para estes, tal conceito está relacionado a jugo e, aos pesados fardos impostos por instituições religiosas e, suas lideranças. Por isso acabam associando de forma pejorativa os que ensinam na Congregação, chamando-os de "pastores"; "cães gulosos"; "aproveitadores", dentre outros... e, nisso acabam se fechando para o que é escritural! Para o que realmente contribui para o crescimento e, a edificação na Congregação do Yahu.
 
No entanto, analisando com mais calma os texto do Novo Testamento, o qual foi escrito em grego Koine( grego popular/comum), podemos perceber que Doutrina NADA tem haver com jugo ou algo semelhante. E, por que assim afirmamos? Porque no grego, a palavra para se referir a Doutrina, em Atos 2:42 é: διδαχῇ (pronunciamos: DIDAQUE), a qual tem por significado: INSTRUÇÃO; ENSINO, ou seja, Didaque é o ato de levar alguém ao conhecimento de algo.
 
Vejamos em destaque no texto abaixo, a palavra Didaque :
 
Atos 2:42 : " E perseveravam na Doutrina(Didaque) dos Apóstolos e, na comunhão e, no partir do pão e, nas orações."
 
 
É a respeito dessa instrução/ensino(Didaque) que o texto em Atos 2:42 deixa claro o seguinte: os crentes que estavam em Yerushalaim, mantinham-se perserverantes no aprendizado obtido através dos Apóstolos, os quais eram homens, ENFATIZAMOS: HOMENS(pessoas), capacitados para exercerem tal função. O texto não diz que os crentes receberam ensinos de anjos, mas sim de HOMENS, os quais foram revestidos com a autoridade para exercerem essa função!
 
Portanto, amados, essa idéia na qual se apreoga que, homem nenhum tem algo para nos ensinar, NÃO tem respaldo escritural!
 
Vejamos outros textos abaixo:
 
Romanos 6:17 " Mas graças a Elohim que, tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de doutrina( Didaques) a que fostes entregues."
 
 
Percebam que no verso citado acima, a palavra Doutrina(Didaque), diz respeito ao ensino transmitido por Shaul aos Romanos, ensino esse recebido de bom grado, de modo que, pela PERSEVERANÇA na doutrina, davam testemunho do que haviam aprendido. Atentem-se que o ensinamento recebido por esses crentes romanos, foram transmitidos por um HOMEM, a saber: Shaul, o qual foi separado por Yahushua para levar o ensino aos chamados "gentios".
 
I Corintios 14:26 " Portanto, que diremos, irmãos? Quando vocês se reúnem, cada um de vocês tem um salmo, ou uma palavra de instrução( Didaquen), uma revelação, uma palavra em língua ou uma interpretação. Tudo seja feito para a edificação da congregação."
 
 
Quando nos atentamos para as cartas que Shaul enviou aos Corintios, podemos perceber que, dentre as instruções dadas a estes, NÃO estavam apenas o falar em línguas, NÃO apenas aos cânticos; NÃO apenas ao que diz respeito a Ceia; NÃO apenas as questões conjunguais, MAS TAMBÉM, ao que diz respeito a PERSEVERANÇA DOUTRINÁRIA, na reunião dos Santos, visto que, de acordo com o que nos é ensinado: na falta de conhecimento/ensino/aprendizado, o povo se perde! E, infelizmente, é exatamente isso que temos presenciado nos dias de hoje!
 
Onde há ensino, as chances de NÃO cometermos erros, tornam-se maiores! As chances de NÃO nos deixarmos levar por qualquer vento de doutrina estranha, tornam-se maiores! As chances de haver um maior crescimento espiritual, tornam-se maiores! As chances de ampliação na  Tenda do Yahu, tornam-se maiores!
 
 
II João 9 " Todo aquele que não permanece no ensino do ungido, mas vai além dele, não tem Elohim; quem permanece no ensino tem o Pai e, também o Filho."
 
Percebam, que o autor da espistola de II João, procura mostrar aos seus receptores, que havia uma doutrina/ensino de Yahushua. E, diante disso, muitos ao se depararem com esse verso, podem falar o seguinte: "Mas o ensino mencionado é de Yahushua e, não de homens!"... Mas, lembrem-se amados, da ordem dada pelo Mestre Yahushua: " Ide pelo mundo pregando o evangelho a toda criatura, e fazendo DISCÍPULOS". 
 
Atentem-se para o seguinte fato: Discipulos se faz com ensino! Discipulos são seres humanos, ou seja, são pessoas instruídas por pessoas! E, essa ordem voltada para o ensino, está disseminada em todo o Novo Testamento, onde vemos os apóstolos, através da Doutrina, fazendo inúmeros discípulos, dentre eles: Timótheo, Tito, Apolo, Febe, Priscila, Áquila, Epeneto, Maria, Andrônico, Júnia, Urbano,Herodião, Trifena, Trifosa, Rufo, dentre outros.
 
A respeito do termo discípulo, convém mencionarmos que o mesmo vem do grego(Marthetes), o qual tem por significado:  aprendiz/ aluno. Marthetes, tem sua raiz no verbo Manthano, que que dizer: aprender; compreender; conhecer alguém nas suas doutrinas e preceitos; aprender pela experiência; com idéia de fazer habitualmente; estar acostumado; aprender e/ou compreender completamente, denotando dessa forma que, o discípulo é alguém que esta disposto a ser ensinado por um mestre.
 
Embora encontramos nas Escrituras, respaldo que nos revele a importância de ter quem ensine na Congregação, há quem faça uso da mesma escritura para afirmar o contrário! E, nisso há quem se pergunte: "como isso é possível"? E, a resposta é: quando fazem uso de versículos isolados! E, dentre os textos isolados mais usados por estes, afim de desmerecer a necessidade de ter quem ensine na Congreção estão: Yohanan(Jo) 14:26 e; 1Yohanan(Jo)2:27.
 
Vejamos esses textos abaixo:
 
Yohanan(Jo) 14:26 " Mas aquele Consolador, o Ruach Kadosh, que o Pai enviará em meu Nome, esse vos ensinará(didaxei) todas as coisas e, vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito."
 
 
No texto acima, destacamos a palavra grega, Didaxei, a qual é usada para se referir ao Ruach Kadosh(Espírito Santo), denotando-O como aquEle que instrui e/ou ensina a alguém. 
 
Diante disso, há os que fazendo uso desse texto acima, apregoam que não há necessidade de aprenderem com homens, mas o que estes não se atentam é, para o que é ensinado em todo o texto de Jo 14. Não podemos fazer uma análise contextual, baseando-nos apenas em um versículo e, apenas em um texto! Precisamos sim, analisarmos o texto em sua totalidade, de modo que possamos extrair ao máximo, o que o texto em análise tem a nos oferecer.
 
Diante disso, quando nos propomos a ler com atenção todo o texto que se encontra em Jo 14, devemos nos atentar para dois pontos fundamentais:
 
1º - para quem está sendo transmitido a mensagem;
 
De acordo com o texto que se encontra em Yohanan(Jo) 14, o que temos é um diálogo entre Mashiach(Ungido) Yahushua e, seus discípulos. E, nesse diálogo, podemos perceber claramente, o Mashiach instruindo a seus discípulos acerca de vários assuntos, conforme podemos observar nos textos abaixo:
 
Yohanan(Jo) 14:1-4 " Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho."

 

Percebam que Yahushua estava instruindo a seus discípulos acerca da Emunah; bem como de sua ascensão ao PAI e, da continuidade de seu trabalho em preparar para seus discípulos, morada. Percebam também que em meio a instrução de Yahushua, estava o que diz respeito a ressureição dos mortos, de modo que, vindo Ele buscar os que são seus, estes, estejam onde Ele também está! E, por fim, Yahushua deixa bem claro o seguinte: os que são seus, conhecem o Caminho para a vida Eterna! E, tanto é verdade que, quando Tomé, faz-lhe a seguinte pergunta: " Adon, nós não sabemos para onde vais; e como podemos saber o Caminho" ? e, a resposta que obtém do Mashiach(Ungido) Yahushua é: " Eu sou o Caminho, e a Verdade e a VIda; ninguém vem ao Pai, senão por mim. Se vós me conhecesseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto." Jo 14:5; Jo 14:6-7

 
Do memso modo, podemos perceber Yahushua instruindo a respeito de AUTORIDADE no Reino ESPIRITUAL, ou seja, acerca do que é fazermos algo em nome de alguém! Compreendermos acerca desse assunto é fundamental, pois leva-nos ao entendimento de que, o fazermos algo em nome de alguém, é como se esse mesmo alguém, o estive fazendo!
 
Por isso, quando Filipe assim diz: " Adon, mostra-nos o Pai, o que nos basta.", a resposta que obteve do Mashiach(Ungido) Yahushua, foi a seguinte: " Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Motra-nos o Pai? Não crês tu que Eu estou no Pai e, o Pai em mim? as palavras que eu vos digo, não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras. Crede-me que estou no Pai e, o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras. Na verdade, na verdade vos digo que, aquele que crê em mim também fará as obras que Eu faço e, as fará maiores do que estas, porque Eu vou para o Pai. E tudo quanto pedirdes em meu nome, Eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho." Jo 14:8; Jo 14:9-13
 
A respeito de AUTORIDADE ESPIRITUAL, convém mencionarmos o seguinte: o fato de fazermos algo em nome de alguém, NÃO NOS TORNA ESSE ALGUÉM! Mas sim, alguém revestido de autoridade concedida por aquele que é o MAIOR, de modo que, o fazermos algo em nome de alguém, resulte na eficácia do poder que há nesse nome.
 
Portanto, Yahushua manifestou o Nome do Pai, mediante a autoridade que lhe fora concedida nesse Nome! E, essa mesma autoridade, Yahushua concedeu aos seus discípulos, afim de que, tudo quanto estes pedissem em seu Nome, Ele o fizesse.
 
Como podemos perceber, o texto em Yohanan(Jo) 14, revela-nos que o ensino dado por Mashiach(Ungido) Yahushua, foi direcionado a seus DISCÍPULOS! Mas, o mesmo ensino nos serve para o despertar e, o conhecimento a respeito do Reino de Elohim.
 
 
2º - qual o objetivo de se transmitir a respectiva mensagem?
 
O objetivo de Yahushua em instruir sseus discípulos, era o de levá-los ao conhecimento da Verdade, acerca do Caminho que os conduziria a Vida Eterna! Instrui-los de maneira que eles tivessem condições de seguirem adiante na propagação do Reino de Elohim. Instrui-los de modo que, o que aprenderam com o Mashiach(Ungido), fosse colocado em prática, sem se preocuparem, caso esquecessem de algo, pois o Ruach Kadosh, os faria lembrar de tudo e, de todas as coisas que lhes foram transmitidas pelo Mestre.
 
Dessa forma, NÃO haveria necessidade de que alguém lhes ensinasse, visto que, TUDO o que eles precisavam saber a respeito do Reino de Elohim, o próprio Yahushua os tinha ensinado e/ou instruídos. E, a base de toda a instrução estava no AHAVAH(amor) e, na Emunah(fidellidade) para com os mandamentos/preceitos do Yahu.
 
Daí, compreenderms quando um dos escribas fizeram a seguinte pergunta a Yahushua: " Qual é o primeiro de todos os mandamentos"? e, a resposta de Yahushua para este foi: " O primeiro é: Ouve YsraEl, YHWH Elohenu(nosso Elohim) é Echad (UM). Amarás pois a YHWH Eloheka(teu Elohim) de todo o teu coração; de toda nefeshka(teu ser); de todo o teu entendimento e, de toda as tuas forças. E, o segundo é este: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior que esses."  Mc 12: 29-30
 
Daí, compreendermos que sem Emunah é IMPOSSÍVEL agradarmos a Elohim, pois conforme nos foi ensinado: " é necessário que, aquele que se aproxima de Elohim, creia que Ele existe e, que é galardoador dos que O buscam." Hb 11:6
 
Assim sendo, conforme vamos percorrendo nossa leitura em Hebreus 11, percebemos qe pela emunah, muitos foram os que alcançaram benevolênca do Altíssimo, conforme podemos constatar em Hb 11: 7-39.
 
Que possamos assim como muitos de outrora, PEERSEVERARMOS no conhecimento e, no PROSSEGUIR em conhecer a Elohim, de modo que, tal conhecimento gere em nós Fidelidade, pois aquele que é fiel, ama; e no amor está o primeiro e, o maior de todo o mandamento.
 
 
Vejamos abaixo, outro texto, bastante usado para desmerecer a necessidade de ter quem ensine na Congregação do Yahu(YHW):
 
1Yohanan(Jo) 2:27 " E a unção que vós recebestes dEle, fica em vós e, não tendes necessidade de que alguém vos ensine(Didasque); mas com a sua unção vos ensina(Didasque) todas as coisas e, é verdadeira e, não mentira, como ela vos ensinou(edidaxen), assim nEle permanecereis."
 
 
Quando lemos apenas o texto acima, de imediato, dá-nos a entender que, não se faz necessário ter alguém para ensinar na Congregação! E, é aí que mora o perigo, pois na falta de ter quem ensine, muitos são os que caminham a passos largos para a perdição!
 
Portanto, texto fora de contexto, gera confusão e, ensinamentos errôneos! Daí, a necessidade de lermos o texto de 1Jo 2 em sua totalidade, afim de sabermos o seguinte: 
 
a) qual o ensino mistrado no texto?
 
b) para quem, as palavras contidas no texto, são ministradas?
 
Ter essas respostas, é fundamental para quem busca o conhecimento, afim de que, instruídos neste conhecimento, possam produzir bons frutos!
 
Percebam que o ensino ministrado texto em 1Yohana(Jo) 2, diz respeito ao que já foi ensinado desde o princípio, a saber: acerca da Fidelidade para com a palavra do Altíssimo! É essa Fidelidade que o autor da Primeira Epístola de Yohanan faz menção, de modo que, assim fazendo, desperte os que ainda "dormem no ponto", pois aquele que se diz amar a Yahu, guarda os seus mandamentos/preceitos e, os pratica com justiça, com verdade, com fidelidade!
 
Esse é o ensino ministrado nessa Primeira Epístola de Yohanan: Ahavah(amor) e, Emunah(Fidelidade). Somente os que trazem consigo tais princípios, conseguem agradar a Elohim! Somente os que trazem consigo tais princípios, tem suas ofertas recebidas por Elohim! Porque conforme nos ensinado, no ahavah de Elohim, somos aperfeiçoados. 
 
Portanto o texto continua instruindo que, aquele que ama, não anda em trevas; não odeia a seu irmão! Aquele que ama, já venceu o maligno, porque conheceu ao Pai, aquEle que é desde o princípio! Aquele que ama é forte.
 
Percebam que a base da instrução contida nesta Epístola, está no ahavah(amor), o qual desde o princípio, o Eterno manifestou para com o homem(humanidade), através de sua Fidelidade, pois YHWH é Elohim fiel.
 
E, nisso fica claro no texto de 1Jo 2 o seguinte: havia quem apreogasse em meio aos crentes, ensinos contrários aos que eles recebera desde o princípio! Daí, compreendermos o fato do autor instruí-los que, "não havia necessidade de que alguém os ensinase", pois eles já tinham sido instruídos por aqueles que receberam a unção para ministrar a eles, o conhecimento acerca da vontade do Pai.
 
Como podemos perceber, a instrução foi para um DESPERTAR, para a PERSEVERANÇA no que diz respeito ao conhecimento adquirido!
 
Assim sendo, a mensagem/instrução contida na Primeira Epístola de Yohanan(Jo) 2, foi concedida aos crentes daquele período, mas que serve de alerta para TODOS nós que anseiam pela vida Eterna!
 
 
Para finalizarmos esse estudo, faremos uso de mais um texto:
 
I Corintios 9:1... Não sois vós a minha obra no ungido?"
 
Observem que Shaul em sua carta aos Corintios, chama-os de obra dele em Yahushua! Percebam amados, que a  palavra obra, denota-nos claramente que Shaul esteve um longo tempo entre esse povo. E, por que assim afirmamos? Pelo fato de sabermos que, uma obra não se faz do dia para noite! Todos nós sabemos o quanto é custoso e, cansativo quando estamos construindo algo! E dentre os fatores que tornam árduo a obra é, o fator TEMPO, o qual é necessário para ajustarmos o que precisa ser ajustado, retirar o que precisa ser retirado, limpar o que precisa ser limpo, de modo que, tudo fique conforme planejado. 
 
Assim sendo, para que a Sã Doutrina a nós concedida por meio de Yahushua se consolidasse entre os Corintios, foi necessário um bom tempo de ensino da palavra nessa localidade. Foi necessário que houvesse uma pessoa para instruí-los acerca da Verdade.
 
Portanto, para que haja ensino, para que haja crescimento, faz-se necessário ter quem ensine na Congregação do Yahu. É preciso ter a mente renovada naquEle que é a Verdade, afim de que, na Verdade, saibamos receber de bom grado, o que aos olhos do Yahu é bom!
 
Esperamos ter conseguido deixar claro que, o ensino na Congregação, é vital para o nosso crescimento no Reino de Elohim. Portanto, não deixe que ninguém vos roube esse tesouro, com argumentos anti-escriturais. Sigam em frente, firme no propósito do aprendizado.
 
Que o Eterno Yahu, conceda a cada um, o pleno entendimento acerca do que nos propusemos a transmitir e, que o mesmo, sirva de conforto entre nós.
 
Fiquem na Shalom do Altíssimo.
 
OBS: Caso tenha gostado de nosso estudo e, dos demais postados em nosso site, responda nossa enquete contida na Página Inicial e, desejando ser notificado a respeito das novas postagens feitas em nosso site, envia-nos seu e-mail.
 

 

Contato

Oholyao em Queimados RJ

oholyaodeiaurrushua@gmail.com

Pesquisar no site

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode