Família: Jugo desigual - Namoro Entre Jovens Crentes e Não Crentes em yahushua

 
 
Nessa postagem, estaremos dando sequência a mais um estudo voltado especificamente para os jovens e, aos demais solteiros existentes na Congregação do Yahu, cujo tema diz respeito a "Namoro" de jugo desigual. Infelizmente, nos dias de hoje, temos visto esse tipo de relacionamento como uma realidade em nosso meio: O namoro entre os jovens da Congregação com os incrédulos. Os laços íntimos estabelecidos nesse tipo relacionamento, em nada manifestam os princípios de Elohim! Ao contrário, tão somente manifestam a inclinação em satisfazer o desejo da própria carne. 
 
Há quem diga diante de uma situação dessas, o seguinte: "mas que bonitinho...","vocês formam um casalzinho lindo...!" e, por aí vai. Outros, vão ainda mais longe em suas afirmações, a ponto de falarem o seguinte: namorar os(as)  os incrédulos, pode! O que não pode, é casar com eles(as)! Mas será que Yahu se agrada desse tipo de relacionamento e, pensamento?
 
Porventura, é justo defraudar aquele(a) que espera no Yahu, um(a) jovem separado por Elohim para o cumprimento do que aos olhos dESTE é bom? Será mesmo justo para a jovem que se guarda para o seu amado e, vive-versa, envolver-se com um(a) jovem que traz consigo uma infinidade de relacionamentos frustrados, juras de amor "eterno", que em alguns casos, ultrapassaram o limite da intimidade?
 
Será mesmo que aos olhos do Yahu o período que antecede o casamento, pode ser usado para se envolver com o que NÃO é consagrado a Elohim, com o que NÃO é puro e, com o que O aborrece? Será que este tipo de pregação ocorre, por acreditarem que, após contrair o matrimônio, as impurezas de um relacionamento de jugo desigual, são retiradas? E que as carícias, são lançadas no mar do esquecimento? E os vínculos estabelecidos, desfeitos? Ou mesmo cientes que para Yahu, o andar em integridade e fidelidade deve se dar tanto no antes, quanto no depois do casamento, mas ainda assim, estes preferem sacrificar à obedecer?
 
De uma coisa temos a certeza, pois assim nos afirmam as Escrituras: " Andarão dois juntos se não estiverem em comum acordo?"
 
Vimos no estudo anterior, que Namoro na Congregação tem um propósito, o qual vai de encontro com a vontade do Yahu para com o homem, " NÃO É BOM QUE O HOMEM VIVA SÓ!" Daí o propósito do Noivado, a saber, o matrimônio! Não existe namoro na Congregação, uma vez que, namoro na visão do mundo e, no conceito da cultura ocidental, está relacionado em obter através deste, experiências afetivas e, sexuais, até encontrarem alguém com quem estejam dispostos a estabelecerem um relacionamento mais sério...Esse tipo de comportamento e/ou ensino, foge completamente do propósito de Elohim, pois assim como a Congregação aguarda o retorno de seu noivo, com paciência, em ahavah(amor), em obediência, em submissão, sem máculas e, pura, assim deve ser a postura dos noivos que anseiam pelo dia do casamento e, da consumação deste através do sexo. 
 
Por isso, aquele que pula etapas, traz para si desgosto! E Aquele que mistura o puro com o impuro, dificilmente consegue manter-se fiel ao que é sagrado para Elohim.
 
O não entendimento a respeito desse assunto, tem levado jovens e, demais crentes a se envolverem em relacionamentos que ao invés de resultarem em alegria, causam desgosto e, vergonha quer seja para eles próprios, quer seja para seus pais, quer seja a Congregação do Yahu. Bem sabemos que tratarmos de um assunto tão delicado e, a base do ensino escritural, não é uma tarefa fácil, quando em nossa cultura ocidental, o que vai contra os conceitos do mundo, é visto como obstáculos para "o ser livre", para fazer o que deseja e, da maneira que se deseja! Por isso, temos visto tantos jovens trazendo consigo, experiências traumáticas que os atinge não apenas no emocional, mas também no físico e, no campo espiritual.
 
Por isso, faz-se necessário o aprendizado, pois na ausência deste, o povo perece e, na falta de profecia, o povo se corrompe!
 
Afim de abordarmos esse assunto, faz-se necessário pontuarmos as seguintes perguntas:
 
1 - por que namorar?
2 - pra que namorar?
3 - com quem namorar?
 
Há quem acredite que na Congregação do Yahu não há jovens o suficiente, para se estabelecer um compromisso com pessoas da mesma emunah(fé), por isso buscam no mundo, parceiros que atendam as suas expectativas e, assim sendo, acabam estabelecendo vínculos trevosos! Misturam o puro com o impuro e, o santo com o profano, achando que assim fazendo, não estarão cometendo erro algum, pois o que Yahu deseja é ver seus filhos felizes e, jovens são são assim mesmo, vivem em plena emoção e, a flor da pele! E, nisso nos perguntamos: Será??? É isso que as Escrituras ns ensinam?
 
O que essas pessoas não se atentam é, que a felicidade para Yahu não é a que resulta na emoção e/ou na obra da carne, mas SIM naquela que se faz presente no Ruach, que provém dELE! Entender acerca dessas coisas é fundamental, pois ajuda-nos a compreender a respeito de herança familiar, a qual dependendo das escolhas que fazemos, bem como dos laços que firmamos, resultará em benção ou maldição, tanto para a vida do crente, quanto para a de seus descendentes. Por isso, reafirmamos: " O NÃO saber esperar, tem levado jovens a escolhas que geram em sua vida presente e, futura, terríveis danos!". 
 
Há um texto nas Escrituras, mais precisamente em Proverbios 14:20-21, que nos leva a meditarmos o quão importante é sabermos esperar o tempo certo do Yahu em nossa vida. O texto diz o seguinte: " Herança que no princípio é adquirida às pressas, não será abençoada no seu fim."
 
Analisando as Escrituras, encontramos alguns exemplos de escolhas mal sucedidas. Escolhas feitas por vista, pelo desejo e, pela cobiça, as quais tiveram como resultado, perdas e, em alguns casos, a morte!
 
Jovens, atentem-se a Palavra do Yahu, fostes lavados e remidos no sangue do Cordeiro de Elohim, para serdes Santos e, apresentar-se perante a Yahu irrepreensíveis, como quem não tem do que se envergonhar! Todo a tua Nefesh(SER/VIDA) é consagrado a Yahu, assim sendo, NÃO o apresente para o deleite de sua própria vontade, mas sim, para atender ao propósito de Elohim!
 
Portanto, jovens, quando vocês decidem estabelecer laços de intimidades no tempo inadequado, sem o entendimento das consequências desses laços estabelecidos, ao invés de benção, o que vocês encontram é maldição! E isso, porque vossas escolhas estão pautadas na rebeldia e, na desobediência.
 
Daí mais uma vez reafirmamos a importância do aprendizado! Da importância de se conhecer o padrão do Yahu para os que são dELE, pois o mundo não entende acerca do que diz respeito ao nosso Elohim, por isso, acham loucura os que andam no Caminho dESTE, mas nós, que fomos feitos Luz e sal nessa terra, precisamos fazer a diferença! Não é o mundo que tem algo para nos ensinar, MAS SIM, nós, filhos da Luz, que temos algo pra ensinar ao mundo e, ensinar o que o mundo  ainda não sabe! Não é o padrão do mundo que tem que nos contagiar, MAS SIM, o padrão do Yahu, que em nós é manifesto, de modo que o mundo veja a diferença entre os que servem a Yahu e, os que não O servem.
 
Lembrem-se, seus braços, suas pernas, seus lábios, seu cabelo, sua orelha, enfim...todo o SER é consagrado a Yahu para louvor, para honra e, para atingir o propósito estabelecido por Yahu no tempo certo!
 
 
1ª  ANÁLISE - A DESOBEDIÊNCIA GERA DESGOSTO E DANOS!
 
Nosso objetivo, nesta análise, é abordarmos a respeito da desobediência dos filhos, no que diz respeito ao seu relacionamento afetivo. As Escrituras nos fornecem uma série de relatos, onde os filhos de YsraEl que não se atentaram para os conselhos de seus pais, trouxeram para estes desgosto e, para si mesmo vergonha, humilhação, perdas e, em alguns casos a morte!
 
Afim de não tornarmos esse estudo muito longo, separamos três casos: o de Esaú, o de Sansão e, Salomão.
 
Atentando-se para o caso de Esaú
Vejamos os textos abaixo:
 
Bereshit(Gn) 26:34-35 " Ora, sendo Esaú da idade de quarenta anos, tomou por mulher a Judite, filha de Beeri, heteu, e a Basemate, filha de Elom, heteu. E estas foram para Isaque e Rebeca uma amargura de espírito."

 

Bereshit(Gn) 27:46 " E disse Rebeca a Isaque: Enfadada estou da minha vida, por causa das filhas de Hete; se Yaacov(Jacó) tomar mulher das filhas de Hete, como estas são, das filhas desta terra, para que me servirá a vida?"

 

Neste caso, três pontos importante devem ser observados:
 
1º PONTO - a preocupação de Rebeca em preservar a pureza familiar, isto é,  manter os bons costumes, a Lei e, a emunah no Yahu;
 
2º PONTO - a ação de Rebeca, em fazer com que as bençãos do marido estivesse sobre o filho mais novo, uma vez pois, que este ainda não havia contraído matrimônio, ao antentar-se para os mandamentos de Elohim, não traria desgosto, nem amargura para a vida de seus pais, como fez seu irmão mais velho, ao envolver-se com mulheres de povos estranho;
 
3º PONTO - o descaso e/ou desprezo com o que diz respeito a benção familiar e, a espiritual que a acompanha, fez com que Esaú a entregasse de mãos beijadas para o irmão mais novo.
 
Quantos jovens nos dias de hoje, não tem agido da mesma forma que Esaú? Trocando as bençãos que receberam por meio do sacifício de Yahushua, por relacionamentos contrários a vontade de Elohim! Relacionamentos de perdas, ao invés de ganhos! Relacionamento de trevas, ao invés de Luz!
 
 
Atentando-se para o caso de Sansão
Vejamos o texto abaixo:
 
Juízes 14:1-3 "E desceu Sansão a Timnate; e, vendo em Timnate uma mulher das filhas dos filisteus, Subiu, e declarou-o a seu pai e a sua mãe, e disse: Vi uma mulher em Timnate, das filhas dos filisteus; agora, pois, tomai-ma por mulher. Porém seu pai e sua mãe lhe disseram: Não há, porventura, mulher entre as filhas de teus irmãos, nem entre todo o meu povo, para que tu vás tomar mulher dos filisteus, daqueles incircuncisos? E disse Sansão a seu pai: Toma-me esta, porque ela agrada aos meus olhos."
 
Do texto acima mencionado, destacamos seis pontos importantes a seremobservados:
 
1º PONTO -  o cuidado que os pais de Sansão tinham em manter a pureza familiar: Pais, sobre vocês está a responsabilidade de instruir vossos filhos acerca do padrão e, da vontade do Yahu para os que são seus! Instruí-los de modo que desde pequenos saibam que o obedecer é melhor que sacrificar! Que não há como servir a Yahu, entregando-se a um jugo desigual! Que o envolver-se num relacionamento onde o "namorado(a) não compartilha da mesma emunah, é correr um sério risco de se perder pelo caminho, pois na ânsia de agradar ao namordo(a), acabam desagradando a Elohim!
 
Portanto, pais, instruam em ahavah(amor) os seus filhos, de modo que fique registrado na mente deles, o seguinte: que as bençãos do Yahu começa na obediência.
 
2º PONTO - o conhecer o que Yahu requer de nós! Os pais de Sansão sabiam que havia uma ordem do Yahu para o seu povo. E que ordem é essa? A que diz respeito ao firmar compromisso de matrimônio com povos estranhos, isto é, aos pais era proibido tomar os filhos e, as filhas dos povos inimigos de Elohim, para se tornarem conjugues de seus filhos e, filhas. Mais uma vez vemos a importância do ensino na Congregação. O conhecimento acerca do que se requer de nós, leva-nos a uma escolha: o obedecer ou desobedecer! 
 
3º PONTO - o rejeitar o conselho dos pais! Em Provérbios 11:14, lemos o seguinte - " Não havendo sábios conselhos, o povo cai, mas na multidão de conselhos há segurança." O texto em Juízes 14:1-3, mostra-nos claramente que os pais de Sansão conheciam a vontade do Yahu e, as repassaram para seu filho, pois qual o pai que não se alegra de ver os filhos andando no caminho pelo qual foi intruido a andar? No caso de Sansão, ele preferiu inclinar-se a sua própria vontade e, o final dessa história, nós já sabemos qual é! A desobediência, causa danos!
 
4º PONTO - o fazer segundo o que os jovens deste mundo fazem. Isso é um perigo!! Vejam que no texto em Juízes 14:10, lemos o seguinte: " Descendo, pois, seu pai à casa daquela mulher, fez Sansão alí um banquete; porque assim o costumava fazer os moços." 
Observem que ao descer a região de um povo estranho a sua emunah e, escolher do meio deles, aquela que lhe agradou aos olhos para ser sua esposa, Sansão adotou para si, o costume praticado pelos rapazes dos filisteus! Quantos jovens, ao buscarem no mundo as suas "namoradas", acabam se envolvendo com os costumes, os princípios, a moda e, o linguajar do mundo? 
 
5º PONTO - o perigo de se buscar o que é doce, onde não há vida ! No  texto em Juízes 14:5-9  Desceu, pois, Sansão com seu pai e com sua mãe a Timnate; e, chegando às vinhas de Timnate eis que um filho de leão, rugindo, lhe saiu ao encontro..., apartando-se do caminho para ver o corpo do leão morto, eis que nele havia um enxame de abelhas com mel. E tomou-o nas suas mãos, e foi andando e comendo dele; e foi a seu pai e a sua mãe, e deu-lhes do mel, e comeram; porém não lhes deu a saber que tomara o mel do corpo do leão."
 
Observem que o buscar o que é doce, onde não há vida, trouxe tristeza não só para a vida de Sansão, mas também para a vida de seus pais!
 
6º PONTO - o esconder dos pais, os erros praticados. Quando se conhece o que é certo e, o que é errado, o homem sempre procura ocultar o seu erro ou, transferi-lo para terceiros, afim de não arcar com as consequências de suas ações. Sansão sabia que abominável é perante aos olhos do Yahu, comer algo proveniente de animal morto, conforme ensinado no texto que se encontra em Levítico 5:2 " Quando alguma pessoa tocar em alguma coisa imunda, seja corpo morto de fera imunda, seja corpo morto de animal imundo, seja corpo morto de réptil imundo, ainda que não soubesse, contudo será ele imundo e culpado." , mas mesmo assim, ele decidiu fazer o que fora proibido por Yahu. Quantos estão na mesma condição de Sansão! Ouvindo mais ao mundo que aos bons conselhos de seus pais! Entregando-se as paixões do mundo, ao invés de envolver-se com as coisas de Elohim!

 

Antentando-se para o caso de Salomão

Vejamos o texto abaixo:
 
1Reis 11:1-6 " E o rei Salomão amou muitas mulheres estrangeiras, além da filha de Faraó: moabitas, amonitas, edomitas, sidônias e hetéias, Das nações de que YHWH tinha falado aos filhos de YsraEl: Não chegareis a elas, e elas não chegarão a vós; de outra maneira perverterão o vosso coração para seguirdes os seus deuses. A estas se uniu Salomão com amor. E tinha setecentas mulheres, princesas, e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o coração. Porque sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e o seu coração não era perfeito para com YHWH seu Elohim, como o coração de David, seu pai, Porque Salomão seguiu a Astarote, deusa dos sidônios, e Milcom, a abominação dos amonitas. Assim fez Salomão o que parecia mal aos olhos de YHWH; e não perseverou em seguir YHWH, como David, seu pai."
 
Como podemos observar, o se envolver com os que não compartilham da mesma emunah, é correr um sério risco de perdermos nossa identidade no reino espiritual, como filhos da Luz! O estabelecer laços afetivos com os que não compartilham da mesma emunah, leva-nos a agradar mais ao incrédulo, que a Yahu, nosso Elohim. E o desagradar a Elohim, gera em nossa vida perdas, ao invés de ganhos! 
 
 
2ª ANÁLISE - DEFININDO O CONCEITO DE JUGO
 
Antes de definirmos o conceito de Jugo, colocamos  abaixo uma foto em que nos facilite o entedimento acerca desse termo. Juntamente com o Jugo, temos também a Canga, uma chapa encurvada e, ou perfurada, na qual se coloca a cabeça do boi ou, de um presidiário.
 
Vejamos a foto abaixo:
 
 
 
 
Após observar atentamente a foto, cremos que fica mais fácil entendermos o que representa o jugo desigual na vida do crente, mas primeiramente descreveremos o significado de Jugo:
 
 
No sentido Literal - Jugo é uma peça feita de madeira que é utilizada para unir dois bois, para que andem no mesmo copasso enquanto puxam um arado ou uma carroça.
 
No sentido metafórico - Jugo pode significar submissão, obediência, autoridade, domínio, opressão, sujeição. Um exemplo desse sentido metafórico, encontramos na palavra de Yahushua, que um dia assim disse: " Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu  - fardo é leve." Mt 11:28-30
 
Ao fazermos uma análise da palavra jugo, no seu contexto em 2 Coríntios 6:24, podemos perceber que, o colocar-se sob jugo desigual, é o mesmo que viver sob opressão! É viver um relacionamento em desequilíbrio, o qual requer um esforço maior do outro para suportar as diferenças, afim de seguir adiante no seu intento. 
 
O leitor consegue imaginar dois bois com estatutra diferente, presos num determinado jugo? Agora, imaginem duas pessoas nessas mesmas condições? Sobre qual deles a carga se tornará mais pesada? E não havendo nestes a mesma disposição mental em seguir no mesmo caminho? Conseguirão presos no mesmo jugo, atingirem seus intentos?
 
É exatamente isso que precisamos ter em mente: quando nos adentramos num compromisso, o qual tem por objetivo a matrimônio, colocamo-nos debaixo do mesmo jugo!! Colocamo-nos a andar juntos com aquele(a) que se tornará nosso parceiro(a) de vida! É o que chamamos de estar presos em ahavah(amor) e por ahavah(amor), ou seja, do mesmo modo em que estamos em ohav, presos no Mashiach Yahushua. Neste caso, o jugo é leve e suave!
 
Já o colocar-se debaixo de um Jugo desigual, o fardo se torna pesado e, no que assim de dá, nem sempre o mais forte suporta carregar o mais fraco e, nem o mais fraco se esforça em tornar a sua carga mais leve. Dái tantos compromissos desfeitos! As diferenças, ou seja, o Jugo desigual gera no mais forte um esforço dobrado, que no primeiro momento, movidos pelo desejo, pela euforia, pela soberba, pela desobediência, alguns se aventuram em suportar, mas com o o passar do tempo, em razão do esforço demasiado, vão perdendo a força e, acabam deixando pelo caminho a sua carga, o seu jugo e, a sua caga.
 
 
3ª ANÁLISE - POR QUE NÃO PODEMOS NOS ENVOLVER NUM RELACIONAMENTO DE JUGO DESIGUAL ?
 
Essa é uma pergunta bem comum dentre os jovens solteiros na Congregação. Lembrando que, Namoro NÃO é brincadeira, nem curtição! Namoro tem um propósito e, NÃO é o que o mundo ensina, mas SIM o que Yahu estabeleceu como algo bom perante os seus olhos, em relação a humanidade.
 
O não colocar-se sob jugo desigual, não significa que somos maiores ou melhores que os não crentes no Yahu, mas sim, como conhecedores da vontade do dESTE e, dispostos a cumpri-la em nossa vida.
 
Para levarmos o leitor as respostas para a seguinte pergunta: " Por que não podemos nos envolver num relacionamento de Jugo desigual?", pontuamos as seguintes motivos para não estabelecermos em nossa vida, esse tipo de relacionamento:
 
 
PRIMEIRO MOTIVO:  Porque existe uma grande diferença entre o crente e, o incrédulo.
 
Sendo sincero consigo mesmo, responda: há como andar dois juntos se não estiverem em comum acordo? Infelizmente, há quem pense que pelo fato da pessoa ser genorosa, trabalhador(a), bom filho(a), estudioso(a), honesto(a), obediente...,essa pessoa possui os atributos necesários poara ser considerado um bom "partido" para os(as) jovens da Congregação do Yahu! O que não é uma verdade! Todas essas qualidades citadas, são importantes, mas além delas, faz-se necessário ser amigo de Elohim, amando-o como faz os que guardam os seus mandamentos e, os praticam. 
 
Separamos alguns textos para a compreensão do que nos propomos a falar nesse tópico:
 
Salmos 37:18-20 " YHWH conhece os dias dos retos, e a sua herança permanecerá para sempre. Não serão envergonhados nos dias maus, e nos dias de fome se fartarão. Mas os ímpios perecerão, e os inimigos de YHWH serão como a gordura dos cordeiros; desaparecerão, e em fumaça se desfarão."
 
Salmos 37:38-39 " Quanto aos transgressores, serão à uma destruídos, e as relíquias dos ímpios serão destruídas. Mas a salvação dos justos vem do YHWH; ELE é a sua fortaleza no tempo da angústia."
 
Provérbios 3:32-33 " Porque o perverso é abominável a YHWH, mas com os sinceros ele tem intimidade. A maldição de YHWH habita na casa do ímpio, mas a habitação dos justos abençoará."
 
Provérbios 4:-18-19 " Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito. O caminho dos ímpios é como a escuridão; nem sabem em que tropeçam."

Provérbios 10:28-29 " A esperança dos justos é alegria, mas a expectação dos perversos perecerá. O caminho de YHWH é fortaleza para os retos, mas ruína para os que praticam a iniqüidade."
 
Provérbios 15:9 " O caminho do ímpio é abominável a YHWH, mas ao que segue a justiça ele ama."

Provérbios 15:29 " YHWH está longe dos ímpios, mas a oração dos justos escutará."

Yohanan(Jo) 3:18 " Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Elohim."

Yohanan(Jo) 3:36 " Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Elohim sobre ele permanece."

1Yohanan(Jo) 3:7-10 " Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica justiça é justo, assim como ele é justo. Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Elohim se manifestou: para desfazer as obras do diabo. Qualquer que é nascido de Elohim não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Elohim. Nisto são manifestos os filhos de Elohim, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Elohim."

Yaacov(Tg)4:4 " Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Elohim? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Elohim."

 

Diante dos textos acima mencionado, podemos perceber a importância de compreendermos conceitos fundamentais, tais como pecado, iniquidade e, transgressão, de modo que possamos discernir o bom do ruim, a luz das trevas, a justiça da injustiça, a verdade da mentira e, principalmente, conhecermos o que Yahu requer de cada um de nós!

 
Sugerimos ao leitor que acesse em nosso site o seguinte estudo: pecado, transgressão e iniquidade 
 
 
SEGUNDO MOTIVO: Porque servimos a pessoas distintas e/ou diferentes.
 
Compreender esse motivo, é fundamental! Pois do contrário, o que muitos são levados a crer é que somos todos iguais! O que não é verdade! Pois bem sabemos que existem dois Reinos, a saber: o do Yahu(reino da Luz) e, o de Satir(reino das trevas) e, assim sendo, precisamos ter em mente em qual desses reinos estamos inseridos e, do mesmo modo, em qual desses reinos aquele(a) que escolhemos para ser o nosso "par", pertence! Não estamos aqui querendo definir o melhor e, o maior, mas sim, mostrarmos que: Não poderá andar dois juntos se não estiverem em comum acordo! Mostrar que não há como estabelecermos vínculos com quem não teme, não exalta, não honra, não serve e, nem é servido por Yahu, nosso Elohim! Portanto, se com nossos lábios, confessamos que do Yahu vem a Luz que nos ilumina, como podemos assumir compromisso com aquele(a) não possuedentro de si, essa mesma Luz? Como falar que doce é a Palavra do Yahu, se buscamos doçura onde não há vida, mas sim a morte? Como podemos falar que somos amigos de Elohim, se procuramos estabelecer comprimosso com os que o aborrecem?
 
Sabemos que outrora andávamos segundo o curso deste mundo e, segundo o Rúrra do engano que neste mundo opera, mas uma vez pois, que fomos resgatados mediante o sacrifício de Yahushua, recebemos uma nova identidade e, uma nova filiação no reino espiritual! Portanto se outrora estávamos debaixo do jugo do pecado,agora, no Mashiach(Ungido) Yahushua passamos a lançar mão do seu jugo, o qual é suave e, o seu fardo, leve! Portanto, não nos ponhais em jugo desigual, visto que fostes chamados para serdes livre e, livre do engano, da mentira, das trevas, do jugo desigual...
 
 

4ª ANÁLISE - O FATO DE FAZER PARTE DA OHOLYAO, É O SUFICIENTE PARA TORNAR UMA PESSOA IDEAL PARA NOS RELACIONARMOS?

Há um ditado popular que diz assim: " Nem tudo o que reluz é ouro!", portanto, o fato da pessoa estar na Congregação, confessar o Nome Yahu e Yahushua, não significa que ele(a) seja uma pessoa compromissada com o que diz respeito do Reino de Elohim e, muito menos ao que diz respeito em assumir um compromisso de Noivado "namoro", com o propósito de casamento. 

Como já enumeramos no estudo referente a Namoro na Congregação, Noivado - "Namoro", é coisa séria! E para assumir tal compromisso, faz-se necessário estar disposto a andar juntos, a crescer juntos, a se fazer uma só carne! Faz-se necessário ter as condições necessárias para dar início aos preparativos do casamento, tais como: obter uma casa, ter um trabalho que garanta o sustento familiar, logo o preguiçoso(a) não se enquadra neste parâmetro!Também se faz necessário, dependendo das condições do casal, organizar os preparativos para a celebração entre os familiares, de um momento tão especial como esse, além de buscarem na Palavra do Yahu, a bússola para uma vida reta, íntegra e, abençoada.

Por isso, é importante estarmos atentos aos conselhos de nossos pais e, dos mais velhos! Por isso é importante conhecermos a vontade e, o padrão estabelecido por Yahu, de modo que ao conhecê-los, tenhamos as condições necesárias para avaliarmos se o que se apresenta diante de nós é bom ou ruim!

Observar também a estrutura familiar daquele(a) com quem nos propomos a se relacionar é fundamental! Verifique como os pais destes se relacionam um para com o outro! Observe se o comportamento do filho é semelhante ao do pai e, se o da filha, é semelhante ao da mãe! Pois assim fazendo, já de início poderá perceber os bons e os maus exemplos que estes jovens recebem por influência de seus pais, tais como o vício da bebida, do fumo, das drogas, da violência verbal e física, da preguiça, da rebeldia, da insubimissão, da desobediência, se os pais são tranquilos, trabalhadores, zelosos no que diz respeito a educação dos filhos, se são pessoas idôneas, íntegras e, etc! Lembrem-se:  bom filho=> bom noivo=> bom esposo=> bom pai! / boa filha=> boa noiva=> boa esposa=> boa mãe.

 

OBS: Caso tenha gostado de nosso estudo e, dos demais postados em nosso site, responda nossa enquete contida na Página Inicial e, desejando ser notificado a respeito das novas postagens feitas em nosso site, envia-nos seu e-mail.
 

 

O saber esperar, sempre vale a pena! Mas o pular etapas, traz desgosto!

 

Contato

Oholyao em Queimados RJ

oholyaodeiaurrushua@gmail.com

Pesquisar no site

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode