É o Termo Hodshua, Pagão?

 
 
Diante de algumas afirmações a respeito do termo Hodshua, na qual afirma-se que este termo é pagão, surge-nos então a seguinte pergunta: Em que se baseia tal afirmação? Buscarmos essa resposta é importante e, essa busca deve-se primeiramente se dar naquELE a quem as escrituras fazem menção, de modo que em tudo quanto nos chegar as mãos e, aos ouvidos, sejamos capazes de discernirmos se é ou não verdadeiro! 
 
Há quem apregoe que a palavra Hodshua é pagã, pelo fato dela conter a palavra Hod(הֽוֹד), a qual é usada na Cabala. Daí, para estes, Hodshua não deve ser usado em nosso meio. E, nisso pensamos: " se o fato de Hod ser usado na cabala, torna a palavra Hodshua pagã, então não deveríamos fazer uso de nenhuma palavra contida na Torah, visto que cada letra do alfabeto hebraico, assim como cada palavra e, número contidos na Torah, são objetos de interpretação na Cabala, com o objetivo de obterem através dessa revelação mística, o que lhes é oculto a respeito de Elohim e, acerca das leis do universo.
 
Um fato intressante e, que nos chama a atenção nas afirmações dos que apregoam que a palavra Hod é pagã por ser usada na cabala, é o fato deles não mencionarem que segmento cabalístico eles tomam como base, para defenderem suas afirmações a respeito da palavra Hod, uma vez que, a Cabala tem várias linhas de segmento, dentre elas podemos citar: a Cabala cristã(também chamada de Cabala do Renascimento ou Cabala Filosófica), a Cabala judaica, a Cabala hermética, a Cabala Droconiana e, etc. 
 
E, nessa falta de informação, ao paganizarem a palavra HOD, não se atentam para o seguinte fato: do mesmo modo que encontramos a palavra HOD na cabala, também encontramos a palavra chessed (misericórdia) e, a palavra Chokmah ( sabedoria) e, nem por isso, os que paganizam a palavra HOD, deixam de usá-las no seu dia a dia! Portanto, o fato dessas palavras serem usadas na cabala, deixaremos de usá-las? Deixarem de exaltar os feitos de Yah(Yh) Elohim em nosso favor, mediante a sua misericórdia? Mediante a sua sabedoria? Claro que não!
 
O fato do ladrão amar por demais seus filhos, não nos impede de amar os nossos! Não é porque nas demais religiões existentes mundo afora, a caridade é praticada, que nós, na oholyao não a praticaremos! Não é porque o homem mal, come, bebe, dorme, toma banho e,ora, que nós deixaremos de fazer tais coisas!
 
Precisamos nos atentarmos para o seguinte fato: A origem da Cabala, deu-se APÓS os cinco livros contidos na Torah, terem sido escritos, isto é, por volta do século II. E, posteriormente foi sendo difundida nos séculos XII e XIII no sul da França e, da Espanha, sendo reinterpretada  no renascimento místico judeu da Palestina Otomana do século XVI.
 
Como podemos perceber, antes de haver o conceito de Cabala e, suas interpretações místicas, a palavra HOD já estava contida nas escrituras sagradas! Portanto, afirmar que HOD (הֽוֹד) é uma palavra pagã NÃO faz sentido! HOD não foi enxertado e/ou inventado nas escrituras, HOD ESTÁ CONTIDO nas Escrituras!
 
Vale ressaltar que, reconhecemos a importância de sabermos a origem de costumes e, tradições que permeiam a sociedade da qual as Escrituras fazem menção, bem como da sociedade na qual estamos inseridos e, do mesmo modo as palavras que em nosso meio são usadas, mas para isso, faz-se necessário uma análise centrada, objetiva e, contextualizada no que diz respeito a conceito histórico, cultural, linguístico e, geográfico, do que se busca conhecer, de modo que as informações obtidas, tragam luz sobre o que até então nos é desconhecido.
 
De acordo com o Dicionário VINE, página 114, a palavra Hod, tem como significado: esplendor, majestade e, autoridade. Das 24 ocorrências bíblicas da palavra Hod, apenas 4 não se dão em poesia. O significado básico de esplendor e majestade com implicações de poder e, posição superiores é atestado na aplicação desta palavra ao reis, conforme podemos constatar nos textos abaixo:
 
Yermyahu(Jr) 22:18 " Portanto assim diz Yhwh acerca de Yehoiaquim, filho de YoshYahu(Josias), rei de Yehuda: Não o lamentarão, dizendo: Ai, meu irmão, ou ai, minha irmã! Nem o lamentarão, dizendo: Ai, adon, ou, ai, sua Hodah (glória)!

 

Jó 37:22 " O esplendor (Hod) de ouro vem do norte; pois, em Elohim há uma tremenda majestade."
 
Em muitos casos, Hod enfoca a dignidade e esplendor com implicações de poder e posição superiores, mas não no grau visto nos reis orientais, conforme podemos observar no texto abaixo:
 
Nm 27:20 " E põe sobre ele da tua glória (Hod ), para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel."
 
Quando usado para se referir a oliveira, Hod enfoca o seu esplendor e dignidade, como a mais desejável das árvores, conforme texto abaixo:
 
Oséias: 14:6 " Estender-se-ão os seus galhos, e a sua glória(Hod) será como a da oliveira, e sua fragrância como a do Líbano."
 
Vejamos na foto abaixo, o que nos é ensinado através do Dicionário Hebraico-Português e Aramaico-Português, na página 53, a respeito da palavra HOD:
 
 
FINALIZANDO...
Como podemos observar, a palavra HOD é uma palavra polissêmica, na qual dependendo do contexto em que está inserida, pode significar esplendor, majestade e, vigor. Portanto, o fato desta palavra ser usada na Cabala, em nada a desmerece e, em nada a torna pagã! JÁ...,a respeito da palavra Hodshua, realmente NÃO a encontramos na Torah, nem no Tanach, nem nos escritos antigos como por exemplo: nos achados de Qumrã, nem nos escritos medievais, tais como: o Codex de Aleppo e Codex de Leningrado! 
 
O que percebemos em nossos estudos a respeito do termo Hodshua é, que este embora não se faça presente nas Escrituras Sagradas, é usado por alguns na Congregação, com o objetivo de substituir a palavra Santo, quando na verdade, o que encontramos nos escritos antigos a respeito do que entendemos por Santo, é o termo KADOSH!
 
Assim sendo, cremos que o correto é fazermos uso do termo RUACH KADOSH (pronunciamos: Ruár Kadosh), pois é esse o termo que encontramos nos escritos hebraicos já mencionados acima e, NÃO o termo Rurra Rodshua!
 
E, respondendo a pergunta de início: " é o termo Rodshua pagão"? NÃO encontramos em nossas pesquisas, algo que testifique que esse termo seja pagão, mas também NÃO o encontramos nas Escrituras, para denotar o Ruach de Elohim! Assim sendo, o termo Rukha Rodshua é uma INVENÇÃO! 
 
Portanto, o problema não está em criarmos palavras no hebraico, para serem usadas no nosso dia a dia! O problema está na substituição de palavras já existentes nos escritos hebraicos, para se referir a algo e/ou alguém, como se tais palavras inventadas, fossem verdadeiras... como se elas existem há milhares de anos, o que NÃO É VERDADE!
 
Assim sendo, o correto com base nos escritos hebraicos, para se referir ao Ruach de Yhwh é: Ruach Kadosh, ou seja: Sopro/Vento/Espírito, Santo.
 
OBS: Caso tenha gostado de nosso estudo e, dos demais postados em nosso site, responda nossa enquete contida na Página Inicial e, desejando ser notificado a respeito das novas postagens feitas em nosso site, envia-nos seu e-mail.

Deixe aqui seu comentário a respeito desse estudo

Contato

Oholyao em Queimados RJ

oholyaodeiaurrushua@gmail.com

Pesquisar no site

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode