Pergunta nº 2 – Então quer dizer que tudo o que vivenciamos, não passou de um engano? Que tudo o que fizemos foi em vão?

 

Sabemos que, para alguns que estão se deparando com os Verdadeiros Nomes Sagrados e, do mesmo modo com a Verdade Escritural, causa-lhes espanto em saber que viviam no engano e, serviam como instrumento de injustiça, quando apregoavam um nome que NÃO tem poder para salvar!

Muitos chegam a falar: mas eu nunca roubei, nunca matei, nunca fumei, nunca cheirei, nunca fui de bagunça, nunca me prostitui, sempre fui bom filho, trabalhador, honesto, sempre respeitei meus pais e os mais velhos, sempre respeitei meu cônjugue, sempre ajudei ao próximo, sempre...sempre...sempre...e, em razão disso, não conseguem imaginar-se servindo a mentira! Não conseguem imaginar que as obras realizadas por eles, as quais aos olhos do mundo são boas, na verdade, são abomináveis perante aos olhos do Yahu(YHW), visto que tais obras não resultam em louvor a seu Santo Nome. E, como nos foi revelado, tudo o que Yahu(YHW) criou e, tudo o que ELE faz, é bom!

Quando Yahushua foi imerso por Yohanan(Jo), o imersor, o que se ouviu do Yahu(YHW) foi: " eis aí meu filho amado, o qual me comprazo."  Observem que somente o que vem do Yahu, manifesta o que aos seus olhos é bom! Pois sendo ELE vida, luz, justiça, Verdade, humildade, somente os que dELe são, manifestam os seus princípios! Daí compreendermos que quando Yahu olha para a sua Congregação, o que ELE vê, é a manifestação do que ELE é, ou seja, Ahavah(amor), o qual Ele nos fez conhecer através de seu Filho Yahushua.

Diante disso, quando nos damos conta, que aquele a quem outrora, apresentávamos todo o nosso Ser, como oferta de louvor e, gratidão, NÃO É AQUELE A QUEM REALMENTE DEVERÍAMOS SERVIR COM FIDELIDADE; NÃO É AQUELE QUE NOS CHAMOU À LIBERDADE, DE MODO QUE, DESATANDO-NOS DO NÓ DA IMPIEDADE, TORNÁSSEMOS VERDADEIRAMENTE LIVRES DO PECADO, gera em nós espanto; surpresa; decepção; vergonha! Por isso, para muitos é difícil admitir que tudo o que viveram e; todo o seu esforço, foi em vão...

Tal percepção/entendimento, de imediato, causa em muitos espanto, tristeza e, em alguns casos, revolta! Mas, a verdade é, que quando assim fazíamos, dávamos a esse ser espiritual a liberdade para atuar em nossa vida! Dávamos a ele, a permissão para nos usar e, cumprir em nós a sua vontade e, assim fazendo, estreitávamos cada vez mais, os vínculos espirituais com este ser! E, como temos aprendido: no reino espiritual, aquele a quem invocamos é, quem nos governa! Aquele a quem invocamos é, quem nos responde e, estabelece conosco, uma aliança espiritual!

Portanto a quem você invocava? A quem você servia e apregoava como sendo a Verdade? Pois bem, era justamente esse que através de você falava com intrepidez, fazendo-lhe orar com eficácia, que lhe concedia autoridade para impor as mãos sobre enfermos e, estes eram curados, bem como autoridade para "expulsar" demônios... pois bem, era exatamente esse ser, quem operava em sua vida! Sim, por incrível que lhe pareça, tudo o que através de você, este ser realizava, fez com que todo o teu esforço à luz da Verdade, tenha sido em vão; ineficaz; como trapos de imundice aos olhos de Elohim!

Assim sendo, uma vez pois que, ao conhecer a verdade e, nessa verdade, mantém-se firme e, fiel, aquEle que é Elohim Verdadeiro e Único, abençoa os feitos de vossas mãos. E, os frutos de vosso esforço, são para alegria no Elohim Vivo.

 

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode