Pergunta nº 1 - Como podemos ignorar as experiências de conversão, milagres, dons e, etc alcançados no nome daquele que, um dia nós adorávamos e, confessávamos como sendo verdadeiro?

 
Resposta: Para obtermos a resposta para a pergunta feita, precisamos antes de tudo, atentarmo-nos para os seguintes pontos enumerados, abaixo:

1 - O que é fazer algo em Nome de alguém?;

2 - Compreender que aquele a quem clamamos e depositamos nossa confiança, é exatamente aquele que nos governa;

3 - Compreender que o espírito do anti ungido já está atuando nesse mundo, de maneira que o mundo jaz nele;

4 - Compreender que o anti ungido tem poderes para operar sinais, realizar milagres e, maravilhas. Se assim não fosse como ele enganaria as nações? E de acordo com as Escrituras, suas obras são de tamanha proporção que se possível fosse...veja bem: SE POSSÍVEL FOSSE, ele enganaria até os escolhidos! Portanto o ministério da iniquidade já opera, conforme nos é revelado em 1 Tess.2:7

 

Assim sendo, precisamos ter em mente o seguinte: Milagres ocorrem em todo e, em qualquer lugar, independente do segmento religioso ou, da crença daquele que busca o milagre para si ou, para terceiros! NÃO podemos negar esse fato, pois é uma realidade! Nem fingirmos que eles não ocorrem nesses lugares, pois se assim fosse, o que motivaria as pessoas a pagarem promessas; a consagrarem seus filhos àqueles de quem receberam dádivas? 

Não podemos negar que, muitas são as pessoas que receberam cura de enfermidades nesses segmentos religiosos! Pessoas que recebram sonhos reveladores, que falam em outras línguas, que tem visões espirituais! Muitas são as pessoas que nesses segmentos religiosos dos quais fazem parte, largaram vícios, conseguiram emprego, estabilização financeira, constituiram familia, enquanto outros, restauraram a que outrora tinha sido desfeita!

E, diante desses fatos, a pergunta que devemos nos fazer é a seguinte: Em que NOME esses Milagres foram realizados? Quem operou e/ou opera por detrás desses milagres? Uma coisa é certa e, NÃO podemos negar: TAIS MILAGRES SÃO REAIS! Eles acontecem em todo e, em qualquer lugar, mas salvação...APENAS EM UMA ÚNICA PESSOA, podemos encontrar!

Querem ver um exemplo? Quando Moshe(Moisés) foi enviado até o Egito para libertar o povo do ETERNO, ele recebeu poder para fazer sinais que comprovassem que aquELE que o enviou, era o que o povo Yehudi estava aguardando para libertá-los! 

Observem que diante de Faraó, Moshe lançou o seu cajado e este se transformou em serpente, mas os sábios e encantadores a serviço de Faraó, também fizeram o mesmo sinal/milagre! E, agora? Como isso é possível? Alguns poderiam ter se perguntado! 

E, acreditem, muitos nos dias de hoje, também fazem a mesma pergunta diante de milagres que, ocorrem em segmentos religiosos diferentes do qual fazem parte!

Assim sendo, em busca de milagres, há quem adore a Maria; a Jorge; a Aparecida; muitos são os que servem a orixás; muitos são os que idolatram a homens e, etc. E porque assim fazem? Porque receberam destes algo que buscavam! Receberam e, continuam recebendo destes, resposta as suas orações, as suas ofertas... e, nessa relação do "dar e receber",  que se tem, são pessoas dispostas a se manterem firmes e confiantes àquele que os "abençoa".

Daí, enfatizarmos mais uma vez, o seguinte: Primeiro: Milagre se dá em todo e, em qualquer lugar! Segundo: Milagre NÃO sinônimo de Salvação! E, por que assim afirmamos? E, a resposta é: porque diante das Escrituras, deparamo-nos com pessoas que através de Yahushua, receberam cura e libertação do que os oprima, mas nem todos aceitaram

Muitos foram curados por Yahushua, muitos foram libertos por ELE, mas nem todos O receberam, de modo que, recebendo dEle milagres, fossem salvos. Percebam que somente os que conheciam a promessa da sua vinda, como sendo o Cordeiro Santo de Elohim e, O recebia, crendo no nome de quem O enviou, é que recebiam salvação! Somente estes ouviam da parte de Yahushua o seguinte: "vai, a tua emunah(confiança/certeza/fidelidade) te salvou." 

Portanto, precisamos ter bem definido que: a SALVAÇÃO RESULTA em milagres em nossa vida, mas o MILAGRE EM SI, não resulta em salvação. Logo, ainda que milagres, dons, conversões, mudança de hábitos e, costumes ocorram na vida do homem, se esses sinais não vierem acompanhados da Salvação de Elohim, de nada valem! 

E, pra terminarmos essa postagem, lembramos o seguinte: Aquele a quem invoacamos é quem nos governa! É quem opera em nossa vida, milagres, de maneira a estabelecer conosco, vínculos espirituais!

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode