Retirando a Máscara

 
"Não há oculto, que não haja de manifestar-se, nem escondido, que não venha a ser conhecido e revelado."
Lucas 8:17
 
 
Estamos postando esse texto para meditação de todos, por acreditarmos que se trata de um assunto de grande importância para os crentes em Yeshua, uma vez que o Retirar a Máscara, resulta na pré-disposição em nos despirmos da velha natureza, com seus velhos sentimentos e, condutas.
 
O estar disposto a Retirar a Máscara, colocando-se à disposição do Reino de Elohim, vivendo segundo seus princípios e conceitos, é estar disposto a negar a si mesmo, de modo que assim fazendo, cumprasse em nós a vontade do ETERNO, assim como fez Mashiach(Ungido) Yeshua.
 
Retirar a máscara é, assumir um compromisso com a Verdade, é estar disposto a suportar as adversidades, é não esperar primeiramente receber para depois dar! O Retirar a Máscara, vai muito além do falar, pois o muito falar procede do coração do homem, mas o estar disposto a viver o que fala, requer dos que assim procedem, Emunah!
 
Infelizmente o que muitos não se atentam é, que o viver sem máscara, requer que morramos para o mundo, juntamente com nossos desejos e vontades! Enquanto houver em nós vestígios do velho homem, faltará espaço para ser ocupado pelo Altíssimo, em sua plenitude por meio do seu amor! O amor..., uma palavra tão simples e, tão mencionada pelos poetas, músicos, enamorados e, principalmente em meio a Congregação, mas... o que muitos NÃO SE ATENTAM é que o amor NÃO É OPÇÃO! O Amor é uma ordem! O Amor é um mandamento e, somente os que estão no Amor, são capazes de manifestá-lo da maneira que agrada àquELE que é o próprio Amor, a saber: Yah Elohim. 
 
Falarmos a respeito disso, é importante, porque a Escritura faz menção do verdadeiro amor, sendo assim, podemos por inferência textual supor que existe o falso amor, mas a questão é: como saber a diferença entre o verdadeiro e o falso? É justamente nesse ponto que desejamos chegar, afim de que discernindo um do outro, tenhamos condições de analisar se o que temos manifestado provém ou não de Elohim, se fazemos ou não uso de Máscara para escondermos o que na verdade somos e, manifestamos! De uma coisa podemos ter a certeza: Somente quando estamos dispostos a Retirar a Máscara é que nos colocamos à disposição de lançar fora o que é falso, fingido, soberbo, injusto, incrédulo, insubmisso, rebelde, para então vivermos o que é verdadeiro, o que é bom, o que é justo, o amor, o qual não provém de sentimentos humanos, mas sim do ETERNO, por isso é perfeito! Por isso é incomparável, porque provém daquELE que é a própria Perfeição.
 
Tem uma parábola em que o Ungido Yeshua nos ensina uma grande lição, a saber: a parábola do Bom Samaritano. Nela é narrado a istória de um homem que foi roubado, agredido, e abandonado na estrada pelos seus agressores. Nem o Levita, nem o Sacerdote manifestaram para com aquele homem misericórdia, amor! 
 
Vejam que eram pessoas que conheciam a Yah(Yh), que falavam a respeito a seu respeito, que trabalhavam no Templo, mas NÃO se atentaram a manifestar para com o homem ferido, o que da parte do Altíssimo, eles tinham recebido: misericórdia, emunah, justiça, amor e, perdão! Estes preferiram seguir adiante, com suas Máscaras, isentando-se de suas responsabilidades, a qual nos foi dada: o amar ao Altíssimo acima de todoas as coiasas, de todo o nosso coração e entendimento e, ao próximo, como a nós mesmos!
 
O Verdadeiro amor, é o único meio capaz de retirar do Velho Homem, a Máscara que este traz consigo! Somente o verdadeiro amor é capaz de se dar, sem esperar algo em troca, é capaz de amar, antes de ser amado! É capaz de suportar o que para os demais lhes parece insuportável! 
 
Olhando cada um para si mesmo, responda: até onde é capaz de amar a Elohim? Até onde somos capazes de ir e, fazermos segundo seus preceitos? Segundo a sua essência? O Mashiach(UNgido) Yeshua O amou até o fim, manifestando esse amor através da submissão, da obediência, da emunah, da Justiça, da Verdade, a ponto de entregar-se a morte por amor e, assim cumpriu a vontade do PAI! E, o resultado de sua morte, resulta em vida para todos quanto o recebe e crê no NOME daquELE que O enviou.
 
O Retirar a Mascara é um processo dolorido, porque requer de nós RENÚNCIA, MORTIFICAR-NOS, O RECONHECIMENTO DO ERRO, O ARREPENDIMENTO, O PERDÃO! Por isso é comum nos depararmos com pessoas que se dizendo de Elohim, manifestarem o que NÃO provém dESTE! E isso, porque para manifestar o que vem do Altíssimo, faz-se necesário Retirarmos a Máscara, de modo a mostrarmos o que realmente somos sem a presença dELE em nossa vida e, o que podemos ser quando andamos em sua presença! 
 
Assim sendo, faz-se necesário nos tornarmos a imagem e semelhança do Altíssimo, mas como isso é possível? Através do que ELE é, ou seja, amor! Se não houver em nós o que nos identifica com Yahu, todo nosso esforço será em vão! Portanto o uso da Máscara pode enganar a muitos, mas NÃO ao nosso Elohim!
 
Daí compreendermos que, para nos achegarmos ao ETERNO e, sermos cheios do seu poder, NÃO tem como nos mantermos Mascarados em sua presença, pois como está escrito em Provérbios 10:9 " Quem anda em integridade, anda seguro, mas o que perverte os seus caminhos será CONHECIDO." Também lemos o seguinte em Provérbios 10:12 " O ódio excita contendas, mas o amor cobre todas as transgressões."
 
Quem ama, NÃO usa Máscaras! Quem ama tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta, pois o amor é paciente, é benigno, não arde em ciúme, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconveniente, não se exaspera, não se ressente do mal. O amor jamais acaba!
 
Enquanto o homem não for capaz de manifestar o que da parte de Yah Elohim tem recebido, continuará escondendo-se por detrás de uma Máscara.

Contato

Oholyao em Queimados RJ

estudosescriturais@gmail.com

Pesquisar no site

© 2014 Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode